Real Time Web Analytics

terça-feira, 27 de setembro de 2016


MÊS DA TRANSFORMAÇÃO

Objetivo: abandonar as coisas do passado que nos faziam sofrer, “eis que tudo se fez novo”(II Co 5:17), agora é tempo de voar. Outubro será um mês de incentivar as mulheres para que cada uma possa se valorizar e aprender a sair do casulo e aprender a voar.
Para abertura deste mês faça a “festa da borboleta”, decore a igreja com flores e muitas borboletas, faça convites com antecedência e incentive as mulheres a irem com acessórios de borboletas para concorrerem a brindes.

A LAGARTA E A BORBOLETA - UMA NOVA PROPOSTA DE VIDA

Um dos mais bonitos milagres que podemos testemunhar na natureza é a metamorfose, a mudança, a transformação de um ser em outro ser. Lembramos certamente da lagarta que “vira” borboleta.
Quando ocorre essa metamorfose, depois de um tempo no casulo, não apenas o seu aspecto muda. Também mudam seus hábitos e seu habitat.

Hábitos são as coisas que aquele ser fazia antes, se a lagarta um dia se arrastou pra chegar a algum lugar, agora, como borboleta ela voa, se ela comia alguns tipos de folhas, agora alimenta-se de pólen. É que a mudança fundamental que aconteceu nela (metamorfose) afetou também seu jeito de ser e mudou os lugares que ela freqüentava.

Esta transformação precisa acontecer conosco. A Bíblia afirma que “se alguém está em Cristo é nova criatura, as coisas velhas já se passaram, tudo se fez novo” (2Cor 5.17). Se você tornou-se uma nova criatura, precisa haver mudanças, por dentro e por fora, no modo de você tratar as pessoas, as companhias, o seu jeito de ver a vida, sua maneira de vestir, de falar...
 A lagarta é feia, repugnante, tem visão limitada, anda arrastando, é um bicho devorador de plantações e, algumas vezes, nocivo ao ser humano. Como consequência, é temida, desprezada, rejeitada e pisada pelas pessoas. A borboleta, embora não seja uma espécie diferente da lagarta, passou por uma transformação. Agora, ela é bonita, agradável, tem visão mais ampla e consegue voar. A borboleta é admirada, elogiada e sempre bem-vinda em nossos lares. Isto nos faz lembrar a mudança experimentada por Saulo de Tarso que passou de perseguidor cruel, a ser o grande Paulo, pregador do evangelho, com a mulher samaritana, que de mulher adultera passou a ser uma grande evangelizadora.
Com honestidade faça um auto-exame e pergunte-se: Será que eu estou de fato em processo de transformação? Ou será que eu me acomodei com o estilo de vida de lagarta? Seja qual for a sua resposta confie na misericórdia de Deus. Ele quer fazer a metamorfose completa na sua vida! DEUS QUER FAZER VOCÊ VOAR! É TEMPO DE TRANSFORMAÇÃO.


Um comentário:

  1. amem pastora vou colocar aqui em pratica com o grupo de senhoras..que deus abençoe sua vida.

    ResponderExcluir